publication . Article . 2018

Um xamã yanomami frente ao discurso filosófico-sociológico da modernidade

Leno Francisco Danner; Julie Stéfane Dorrico Peres;
Open Access
  • Published: 01 Apr 2018 Journal: Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea (eissn: 2316-4018, Copyright policy)
  • Publisher: FapUNIFESP (SciELO)
Abstract
En este texto, que busca tejer un diálogo entre la literatura y la filosofía-sociología, desarrollaremos un doble argumento, basado en una discusión entre la obra La caída del cielo: palabras de un chamán yanomami, de David Kopenawa y Bruce Albert, y la teoría filosófico-sociológica de la modernidad de Jürgen Habermas: i) el sello distintivo de la literatura indígena, en su género autobiográfico, consiste en la correlación fundamental entre historia personal y destino colectivo (en el nivel socio-cultural y ecológico-espiritual), dinamizada por y basada en el mito, de manera que tal correlación entre la identidad personal y el destino colectivo se ofrece como un...
Subjects
free text keywords: literatura indígena, xamanismo, modernidade, razão, indigenous literature, shamanism, modernity, reason, literatura india, chamanismo, modernidad, razón, Literature and Literary Theory, Humanities, Philosophy, French literature - Italian literature - Spanish literature - Portuguese literature, PQ1-3999

consolidação de uma perspectiva epistemológico-política universal, crítica e emancipatória (Habermas, 1990, 2012a; 2012b; Forst, 2010). Nesse sentido, a contraposição da modernidade em relação ao tradicionalismo, pelas teorias da modernidade europeias de um modo geral (Hegel, Comte, Marx, Weber etc.) e pela teoria da modernidade de Habermas em particular, permite concluir que, por não existir racionalização nas sociedades-culturas tradicionais, também não existe nelas e por elas individuação, crítica, emancipação e universalidade. Diz Habermas: Imagens de mundo míticas não são entendidas pelos envolvidos como sistemas interpretativos atrelados a uma tradição cultural, constituídos por nexos internos de sentido, simbolicamente referidos à realidade, vinculados a pretensões de validade e, por isso, passíveis de crítica e aptos à revisão (Habermas, 2012a, p. 109).

Powered by OpenAIRE Open Research Graph
Any information missing or wrong?Report an Issue
publication . Article . 2018

Um xamã yanomami frente ao discurso filosófico-sociológico da modernidade

Leno Francisco Danner; Julie Stéfane Dorrico Peres;