INITIAL PUBLIC OFFERING IN BRAZIL (2004-2006): A VALUATION APPROACH USING MULTIPLES AND COST OF EQUITY

Master thesis Portuguese OPEN
FELIPE PRETTI CASOTTI (2007)
  • Publisher: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO
  • Subject: CUSTO DE CAPITAL PROPRIO | COST OF EQUITY | OFERTA PUBLICA INICIAL | INITIAL PUBLIC OFFERING | MULTIPLOS | MULTIPLES | FINANÇAS

A precificação das ações emitidas em ofertas públicas iniciais tem sido alvo de estudos em diversos países. Abordando o conceito de avaliação por múltiplos, este trabalho busca verificar se as ações das empresas estavam sub-avaliadas ou super-avaliadas no momento das suas Ofertas Públicas Iniciais (Initial Public Offerings). Posteriormente, são determinados os custos de capital próprio adotados na emissão, verificando-se a diferença entre betas utilizados no modelo CAPM, no momento da IPO, e os betas dos 12 meses após a oferta inicial. Para tal, foi utilizada uma amostra composta por empresas que abriram capital entre 2004 e 2006. Observou-se que as ações não foram sub- avaliadas, mesmo após serem observados elevados retornos iniciais. No entanto, não há evidências estatísticas de que foram super-avaliadas. Por fim, verificou-se que os betas de 12 meses são significativamente maiores do que os betas utilizados no momento da precificação. Como esperado, o modelo CAPM determinou retornos abaixo dos retornos ocorridos após a emissão. The pricing of assets issued in initial public offerings has been the subject of many studies in several countries. Using the concept of relative valuation, this study intends to verify if the shares of selected companies were undervalued or not at the time of their IPOs (Initial Public Offering). Later, the cost of equity is determined and betas used in the CAPM model, at the time of the IPO, and the betas verified 12 months after the initial issue are compared. The sample is composed of companies with IPOs during the period 2004-2006. The results show that the shares were undervalued, although high initial returns were observed. However, there is no statistical evidence that they are overvalued. Finally, it was found that the betas after 12 months are significantly higher than the ones used at the time of the pricing. As expected, the CAPM model determined returns below the returns that occurred.
Share - Bookmark