Plínio Marcos: uma biografia

Doctoral thesis Portuguese OPEN
Contiero, Lucinéia [UNESP] (2007)
  • Publisher: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
  • Subject: Marcos, Plínio - Crítica e interpretação

Esta é uma biografia de Plínio Marcos, dramaturgo santista nascido em 1935. Tem um pouco de biografia intelectual, um pouco de biografia crítica. Mas é sobretudo a vida de um homem de teatro. O trabalho se abre com uma discussão teórica, em face da qual procuro situar essa abordagem de uma vida. Como toda biografia, prevaleceu aqui o interesse pela disposição cronológica dos fatos, com paradas para tratar de certos aspectos importantes, a vida de jornalista, a peças de maior sucesso. No primeiro capítulo explanei sobre o período santista de Plínio, as origens familiares, o jovem de vida solta, longe da escola, o trabalho no circo, o contato com Pagu, a estréia de Barrela, sua primeira peça. Os capítulos IV, V e VI tratam da vida de Plínio em São Paulo, o trabalho de camelô, o envolvimento com a classe teatral, a afirmação do dramaturgo com Dois perdidos numa noite suja, Navalha na carne e Abajur lilás, peças que definem a originalidade do autor em termos de tema e de linguagem. Aponto as dificuldades com a censura, o jornalismo polêmico, o interesse do autor pela cultura popular. E, como pede qualquer biografia, encontram-se aqui informações sobre a vida afetiva de Plínio, as relações familiares, a separação e um novo encontro. Ao fim, a morte, as homenagens. This is a Plínio Marcos biography, a playwright who was born in Santos, at 1935. It has something of intellectual biography, and a little of critical biography. But it is mainly the history of a theatre man. I open this work with a theoretical discussion, where I try to situate this approach of a life. As every biography, I chose to work with the chronological disposition of the facts, but also stopping here and there to describe some important aspects of Plínio`s life, as the journalism experience, the most successful plays. The first and the second chapter deals with the santist period (1935- 1960), the familiar roots, the young boy living free, always from the school, the circus`s experience, the contact with Pagu, the first presentation of Barrela, his first play. The chapters IV, V and VI show Plinio`s life in São Paulo, the street seller work, the contacts with theatre`s people, his affirmation as a good playwright with Dois perdidos numa noite suja, Navalha na carne e Abajur lilás, where we can find the main thematic line of his works, and a specific use of the language. I show the difficulties with the censure, the polemic journalism, the interest to the popular culture. And, as it happens with almost all biographies, there are here informations about his affective life, the familiar convivial, the separation and the life with a new woman. In the end, death and celebration of his name.
Share - Bookmark