Estudo do comportamento de Cr(III) na precipitação do PbCrO4

Master thesis Portuguese OPEN
Rosa Lina Gomes do Nascimento (1983)
  • Subject: Cromo | Compostos de chumbo

Resumo: O comportamento de Cr(III) na precipitação de Cr(VI) como PbCrO4, usando Cr como traçador, foi estudado com o objetivo de se obter informações sobre o mecanismo de incorporação de Cr(III) no precipitado. O Cr(III) precipitando com PbCrO4 em solução contendo Cr(III) e Cr(VI) a pH 8-10, exibe uma enorme aquosa dependência do tempo de estocagem da solução (a 36,5°C), antes da adição de agente precipitante Pb(NO3)2, do pH das soluções usadas, do momento da precipitação e da solução de lavagem. Observou-se que em cada caso estudado, a incorporação aumenta com o período de estocagem. A análise das espécies presentes na solução por cromatografia de troca catiônica, depois de 24 horas sem agente precipitante, como também depois de precipitação, indicam que a distribuição de Cr(III) não exibe variação na proporção entre as espécies monômero, dímero e polímero. Isto indica que a mesma fração de cada espécie coprecipita com PbCrO4, segundo os dados obtidos pela igual eficiência de incorporação das três categorias de espécies no precipitado e/ou na estocagem de Cr(III) dentro de um precipitado antes da acidificação. Contradizendo velhas descrições do processo global, pode-se concluir com este trabalho que o Cr(III) provavelmente não entra na rede cristalina do PbCrO4 como uma espécie dopante , mas precipita independentemente como cromato de cromo e/ou hidróxido de cromo. Abstract: The behavior of Cr(III) in the precipitation of Cr(VI) as PbCrO4, using Cr as tracer; was studied to gain information about the process of Cr(III) incorporation in the precipitate. The Cr(III) coprecipitation with PbCrO4 from. aqueous solution having Cr(III) and Cr(VI), at pH 8-10, shows a great dependence on the storage time of the solution at 36,5°C, before the addition of the precipitating agent Pb(NO3)2 on the pH of the solution during storage and at the moment of precipitation as well as on the pH of the wash solution. It was noted that in each studied case, the incorporation increases with the storage time. The analysis of the present species in the solution, by Cationic Exchange Chromatography after 24 hours both without precipitating agent and with it, indicate that the Cr(III) - distribution (i.e., the relative proportion of the monomer -, dimer-, and polymer - species) does not change. This indicate that each species coprecipitates with PbCrO4 at the same rate (i.e., with equal incorporation efficiences) and/or is stored in a precipitate, before liberation by adicification. ln contrast with previous descritions of the overall process, it can be concluded that the Cr(III) probably doesn't go into the PbCrO4 - Crystal lattice as a doping species, but that it precipitates separately as chromium - chromate and/or chromium hidroxide.
Share - Bookmark