publication . Master thesis . 2012

A Transformação da Artilharia de Campanha face ao Teatro de Operações do Afeganistão

Saraiva, João;
Open Access Portuguese
  • Published: 01 Jul 2012
  • Publisher: Academia Militar. Direção de Ensino
Abstract
Este trabalho retrata a transformação da Artilharia de Campanha dos Estados Unidos durante a sua presença no Teatro de Operações do Afeganistão, mais propriamente de 2002 a 2011. Como objetivos trata de identificar as transformações dos sistemas de armas e da sua organização face ao teatro de operações anteriormente referido. Também identifica as transformações que o Grupo de Artilharia de Campanha do Regimento de Artilharia nº 4 sofreu desde 2002, determinando a possível relação entre o caso dos Estados Unidos, no Afeganistão com a transformação do Grupo de Artilharia de Campanha do Regimento de Artilharia nº4. Para tal, utiliza como método científico o método ...
Persistent Identifiers
Subjects
free text keywords: Grupo de Artilharia de Campanha, Afeganistão, Transformação, Sistemas de armas

Ministério da Defesa Nacional. (março de 2004). Grupo de Artilharia de Campanha da Brigada Aerotransportada Independente. Quadros Orgânicos do GAC da BAI. Leiria: Estado Maior do Exército.

Ministério da Defesa Nacional. (15 de fevereiro de 2006). Brigada de Intervenção - Grupo de Artilharia de Campanha. Quadros Orgânicos do GAC. Leiria: Estado-Maior do Exército.

Ministério da Defesa Nacional. (26 de dezembro de 2007). Quadros Orgânicos do GAC BrigRR. Brigada de Reacção Rápida - Grupo de Artilharia de Campanha. Leiria: Estado-Maior do Exército.

Ministério da Defesa Nacional. (5 de março de 2008). Directiva nº 04/CMD OP/08. Oeiras: Comando Operacional.

Ministério da Defesa Nacional. (29 de junho de 2009). Quadros Orgânicos do GAC. Brigada de Reacção Rápida - Grupo de Artilharia de Campanha. Leiria: Estado-Maior do Exército.

Ministério da Defesa Nacional. (2010). Operações Não Convencionais. Ministério da Defesa Nacional.

Ministério da Defesa Nacional. (2011). Manual de Combate em Áreas Edificadas. Ministério da Defesa Nacional.

Ministério da Defesa Nacional. (2011a). Morteiros. Ministério da Defesa Nacional.

Ministério de Defesa Nacional. (2011b). Operações de Apoio à Paz. Ministério da Defesa Nacional.

Ministério da Defesa Nacional. (2012). Operações. Lisboa: Ministério da Defesa Nacional.

NATO. (7 de junho de 2007). Capabilities/Statements. NATO UNCLASSIFIED RELEASABLE TO EU. NATO.

Seatra, J. (2006). O Targeting Através do AFATDS. A Artilharia de Campanha e o Targeting. Vendas Novas: Escola Prática de Artilharia.

Almeida, V., & Mataloto, L. (30 de junho de 2009). A integração dos Radares de Artilharia de Campanha na estrutura ISTAR. Obtido em 20 de março de 2012, de Revista de Artilharia: http://www.revistaartilharia.net/index.php?option=com_content&task=view&id=198&Itemid=33 Blood, P. (2001). Afghanistan: A Country Study. Obtido em 26 de dezembro de 2011, de Countrystudies: http://countrystudies.us/afghanistan/index.htm Cunha, J. Redes TPF & TSF GAC-BBF. 1995. 31 Diapositivos.

Dale, C. (2 de abril de 2009). Operation Iraqi Freedom: Strategies, Approaches, Results, and Issues for Congress. Obtido em 9 de fevereiro de 2012, de Federation of American Scientists: http://www.fas.org/sgp/crs/natsec/RL34387.pdf Federation of American Scientists. (21 de janeiro de 1999). Military Analysis Network. Obtido em 10 de fevereiro de 2012, de M712 Copperhead: http://www.fas.org/man/dod-101/sys/land/m712.htm GlobalSecurity. (s.d. a). Army of Excellence. Obtido em 9 de fevereiro de 2012, de GlobalSecurity.org: http://www.globalsecurity.org/military/agency/army/aoe.htm Globalsecurity. (s.d. b). Afghanistan - Environment. Obtido em 15 de março de 2012, de Globalsecurity: http://www.globalsecurity.org/military/world/afghanistan/csenviro.htm

Sautenet, V. (junho de 2000). Legal Issues Concerning Military Use Of Non-Lethal Weapons. Obtido em 08 de fevereiro de 2012, de E LAW Murdoch University Electronic Journal of Law: http://www.murdoch.edu.au/elaw/issues/v7n2/sautenet72nf.html Silva, P., Coelho, C., Simões, L., Pimpão, C., & Lima. (07 de janeiro de 2009). O Papel da Artilharia de Campanha nas Operações de Contra-Insurreição. Obtido em 06 de Imagem nº 8 - Reorganização do B/377 PFAR para fazer face às operações no Afeganistão (Morgan, Levis, & Glenn, B/377 PFAR: Platoon-Based Fires in Afghanistan, 2005, p. 31).

Any information missing or wrong?Report an Issue