Diabetes tipo II e resolvinas D1

Master thesis Portuguese OPEN
Silva, Isabel Alexandra Marques Batista da (2015)
  • Subject: Resolvinas D1 | Diabetes tipo II | Processo Inflamatório | Obesidade

Dissertação para obtenção do grau de Mestre no Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz A diabetes é um problema de saúde pública crescente com o envelhecimento da população, os maus hábitos alimentares e o sedentarismo. A obesidade poderá ser causa ou consequência da diabetes tipo II, sendo também um problema crescente de saúde pública. Esta monografia tem como objetivo estudar, com base no conhecimento atual, se as resolvinas D1 são uma alternativa viável na terapêutica da diabetes tipo II. A metodologia de pesquisa consistiu na procura de termos como “Diabetes”, “Inflammatory Response”, “Inflammation”, “Resolvins”, “Specialized Pro-resolving Mediators”, na base de dados on-line PubMed entre o período de Janeiro e Setembro de 2015. Nesta monografia reviu-se a patogénese da diabetes tipo II, nomeadamente a hipoxia e a apoptose, a ativação das vias do JNK, do NF-kB e a produção da IL-1β, induzidos pela hiperglicémia. Procurámos perceber como poderiam as resolvinas D1 atuar neste processo destacando-se a capacidade de regulação da movimentação transendotelial dos neutrófilos PMN, bloqueio de recetores Toll-like, ativadores de macrófagos e a redução da infiltração de leucócitos. Os resultados apresentados no estudo de Hellmann et al. demonstraram como atuam as resolvinas D1 na resistência à insulina, nas CLS dos macrógafos, no rácio entre o fenótipo M1 e M2 dos macrófagos, na expressão do recetor das resolvinas, nas células do tecido adiposo e, por último, na expressão de adponectinas. Estes resultados são promissores, mas suscitam dúvidas, dado que ainda não se conhecem totalmente as resolvinas. Neste trabalho as resolvinas D1 são propostas como um futuro da terapêutica da diabetes tipo II, sendo necessários mais estudos com evidência científica clara.
  • References (66)
    66 references, page 1 of 7

    CAPÍTULO II: MEDIADORES INFLAMATÓRIOS.............................................. 37 1. RESOLVINAS DA SÉRIE D ......................................................................................... 39 1.1. Biossíntese das Resolvinas Série D e a Aspirina ............................................. 40 1.1.1 Ações.......................................................................................................... 41 1.2. Resolvinas D1 .................................................................................................. 40

    Figura 1 - Evolução da prevalência da Diabetes entre 1958 e 2013, nos Estados Unidos

    da América .....................................................................................................................19

    Figura 2 - Desenvolvimento da Inflamação na Diabetes Mellitus Tipo II......................27

    Figura 3 - A Inflamação dos Ilhéus de Langerhans, induzida pela Interleucina-1β, na

    Diabetes Mellitus Tipo II................................................................................................33

    Figura 4 - Eicosanóides das Vias do Ácido Araquidónico e dos Ácidos Gordos

    Polinsaturados de Cadeia Longa Ómega-3.....................................................................38

    Figura 5 - Série D das Resolvinas ..................................................................................39

    Figura 6 - Biossíntese da Série D das Resolvinas. .........................................................41

  • Metrics
    No metrics available
Share - Bookmark