publication . Article . 2013

Hanna Krall e os caminhos tortos da memória e da identidade

Piotr Kilanowski;
Open Access
  • Published: 30 Aug 2013 Journal: Aletria: Revista de Estudos de Literatura, volume 23, page 151 (issn: 1679-3749, eissn: 2317-2096, Copyright policy)
  • Publisher: Universidade Federal de Minas Gerais - Pro-Reitoria de Pesquisa
Abstract
Neste artigo apresentamos a escritora polonesa de origem judaica Hanna Krall por meio da análise literária do seu romance <em>Sublokatorka (A sublocatária)</em>. O romance, com elementos autobiográficos, apresenta a personalidade cindida de uma menina sobrevivente do Holocausto e discute o tema da identidade polonesa, judaica e judaico-polonesa. Através da observação da memória e do processo de criação da memória, a autora mostra a construção da identidade falsa e a repressão da verdadeira, o comportamento comum entre alguns dos sobreviventes.
Subjects
free text keywords: Holocausto, literatura polonesa, identidade, Art, media_common.quotation_subject, media_common, Memoria, Polish literature, Humanities, lcsh:Language and Literature, lcsh:P
Any information missing or wrong?Report an Issue