Café convencional versus café orgânico: perspectivas de sustentabilidade socioeconômica dos agricultores familiares do Espírito Santo

Article Portuguese OPEN
Siqueira,Haloysio Miguel de ; Souza,Paulo Marcelo de ; Ponciano,Niraldo José (2011)
  • Publisher: Universidade Federal de Viçosa
  • Journal: (issn: 2177-3491)
  • Related identifiers: doi: 10.1590/S0034-737X2011000200004
  • Subject: S1-972 | Biotechnology | agricultura familiar | sistemas de produção de café | Agriculture (General) | avaliação econômica | TP248.13-248.65

Esse artigo enfoca a viabilidade de investimento na produção de café arábica, no Estado do Espírito Santo, comparando os sistemas convencional e orgânico, para identificar o que proporciona maior sustentabilidade socioeconômica aos produtores familiares. Os métodos de avaliação econômica utilizados foram o valor presente líquido, a taxa interna de retorno e o tempo de retorno do capital investido. Também foi feita a análise de sensibilidade. Demonstrou-se que ambos os sistemas de produção foram viáveis, mas, observou-se a grande dependência de recebimento do prêmio para viabilizar o cultivo orgânico, compensando a sua menor produtividade. Além disso, o preço recebido foi a variável que exerceu a maior influência na rentabilidade dos cafeicultores familiares. Concluiu-se que, assegurada a eficiência econômica e ecológica do sistema orgânico, o desafio é aperfeiçoar a sua eficiência técnica, para que possa contribuir com a sustentabilidade socioeconômica dos cafeicultores familiares.
Share - Bookmark