O impacto da Web 2.0 nas Bibliotecas Escolares das escolas secundárias do concelho de Lisboa

Article Portuguese OPEN
Cunha, Thiago Mota ; Figueiredo, Marina Barros (2012)
  • Publisher: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas
  • Journal: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas (issn: ad______)
  • Subject: Bibliotecas Escolares; Tecnologias de Informação e Comunicação; Web 2.0; Escolas secundárias; Lisboa.

O presente estudo tem como objetivo analisar o impacto das tecnologias de informação e comunicação (TIC) nas bibliotecas das escolas secundárias do concelho de Lisboa. Inicialmente é desenvolvida uma revisão da literatura de artigos científicos, nacionais e internacionais, que analisam a influência da Sociedade da Informação nas escolas e em todos os seus intervenientes. No conjunto dos artigos selecionados é amplamente referido um declínio da educação, que não consegue ser apelativa para crianças e jovens que têm necessidades e exigências para as quais os atuais métodos de ensino se encontram desatualizados. É desenvolvida uma abordagem de revisão do processo didático-pedagógico nas escolas da Sociedade da informação, em que as TIC são vistas como um instrumento de aproximação entre a biblioteca escolar e os seus utilizadores e evidencia-se o papel do bibliotecário como orientador no acesso à informação por parte da comunidade escolar. Em seguida são abordadas as potencialidades das TIC que com o surgimento da web 2.0 permitem incrementar a relação entre a biblioteca escolar e os seus utilizadores, analisando o modo como as bibliotecas escolares portuguesas tem reagido a este novo cenário de desenvolvimento tecnológico. Apresentam-se então os resultados de um inquérito feito junto dos professores bibliotecários para avaliar o impacto das TIC nas bibliotecas escolares das escolas secundárias do concelho de Lisboa. Finalmente é proposta uma futura investigação que explore os outros agentes envolvidos neste cenário: os alunos, levantando-se a questão de se após uma abordagem que permita analisar todos os agentes envolvidos será possível definir uma estratégia capaz de aproximar cada vez mais alunos e biblioteca escolar, mesmo que tal não se verifique fisicamente. 
Share - Bookmark